O Santo da Mão de Ouro – Sri Seshadri Swamigali

Nesse post quero apresentar para vocês um mestre muito especial, desconhecido no Ocidente, mas respeitado e amado no sul da Índia: Sri Seshadri Swamigal (1870 -1929)

Sri Seshadri

Seshadri era de fato um mestre realmente especial e diferente, como são todos os mestres. Cada um com a sua particularidade, a sua linhagem, dentro do Universo do Servir.
Ele viveu à mesma época que Sri Ramana Maharish, na cidade de Tirunnamavalai, sul da Índia, e se conheciam. Era dito que ambos eram os dois lados de uma mesma pessoa.  Hoje o Ashram de Seshadri  está localizado a uma centena de metros do Ashram de  Ramana.

Ouvi falar de Sri Seshadri, quando em visita a Tirunamavalai , quando ali estive para conhecer justamente o Ashram de Ramana  Maharishi. E como nada acontece por acaso, descobri esse tesouro precioso.
O Ashram de Seshadri é um  lugar muito simples, aos pés do Monte Arunachala, que os hindus acreditam ser a própria divindade SHIVA , encarnada. Logo a entrada me apaixonei pelo lugar, simples, mas com uma energia muito forte .  Visitar o  Ashram nos dá uma sensação de estar em um eremitério, devido ao seu ambiente simples e acolhedor, fontes, árvores floridas e atmosfera e pura que possibilita a cada visitante estar em paz .

Todos os dias são realizados, no Ashram, Poojas (adoração cerimonial) e abhisekhams (banho sagrado de leite, requeijão e água, etc dado à divindade)

Grupo bhajans (canções devocionais cantando em coro) são realizados nas noites de segunda-feira e em dias específicos da semana  os devotos fazem a peregrinação ao redor da montanha Arunachala. O Ashram oferece refeições gratuitas todos os dias,  a centenas de pessoas que se aglomeram à sua entrada e todos são atendidos antes dos hospedes e trabalhadores do Ashram, estes só comem depois.

O interessante é que o Sri Seshadri, em vida, nunca teve uma casa, nem discípulos, pois se recusava a tê-los, embora uma enorme quantidade de pessoas vivesse atrás dele, por onde quer que ele circulasse.

devotos esperam a distribuição da refeição

Vivia andando pelas ruas da cidade e quando comia, recebia o que lhe era oferecido e dormia onde pudesse. Não tinha nenhum tipo de apego material, nem ao próprio corpo. Ficava sem tomar banho, sem cortar unhas e cabelos. Era uma figura estranha de se olhar. Mas ele era o exemplo daquilo que  queria dar para as pessoas . Costumava entrar nas lojas, bagunçar todas as mercadorias, mas os comerciantes o aguardavam ansiosamente, pois depois dele sair vendiam tudo, por isso o chamavam de “Mão de Ouro” . Suas fotos nas lojas era sinal de prosperidade e de abundância.

O Ashram

São muitas historias contadas  sobre essa figura impar , que deixou uma herança espiritual importante na região e é considerado um Mestre com poderes especiais . Ele era conhecido e respeitado por sua envergadura espiritual e pela força da sua yoga e do poder através da austeridade. Seu modo de vida revela que ele era um asceta de um alto calibre que tinha um rigoroso controle dos sentidos, tanto física quanto mentalmente.

Vista geral do Ashram, interna

Ele tinha um poder muito grande que, através das práticas espirituais que realizava desde pequeno, se fortaleceu e desenvolveu. Poderes psíquicos de falar sobre o passado e o futuro, ler as mentes das pessoas com a mesma facilidade de explorar o desconhecido e incognoscível. Com este poder, ele também atendia os desejos das pessoas, mostrando-lhes as visões  do que eles queriam ver, tanto em seus sonhos quanto acordados. Seu toque milagroso  curava centenas de pessoas que sofriam de todo tipo de doenças e males , que chegavam a ele com sincera fé e devoção.

"Puja" (oferenda)

Ao longo da sua vida centenas de “milagres” foram atribuídos a ele, curando doenças, com um simples toque da sua mão ou com a sua simples presença no local. Era visto em lugares diferentes , ao mesmo tempo, dando o “darshan” ou falando com as pessoas simplesmente. Fazia chover a pedido dos seus devotos e enfatizava que cada um deve enfrentar os “demônios” que traz dentro de si, encará-los e assim se libertar. Esses demônios, dizia ele, eram os desejos de qualquer espécie que aprisionava o ser humano.

Upa Sabha Presidente do Ashram Seshadri

Mas a sua jóia mais preciosa que o fez brilhar mais que outros, foi a auto-realização.

Sri Seshadri  não julgava ninguém , atendia os desejos dos devotos que buscaram a prosperidade material, bem como a iluminação espiritual. Com seu exemplo de vida mostrava  como deveriam se comportar para  chegarem a realização.

Vista da cidade de Tirunnamavalai , templo de Shiva em primeiro plano

Sri Seshadri Swamigal nasceu em 22 de janeiro de 1870 numa pequena aldeia perto de Kanchipuram no sul da Índia na renomada família de Kamakoti. Um incidente em sua infância revela a grandeza de seu poder quando sua mãe o levou a um templo e ele , na entrada tocou em um objeto que um vendedor estava expondo. Logo em seguida todos os ídolos foram vendidos como pão quente. Isso lhe deu o nome de “Thanga Kai” (mão de ouro)

a cidade

templo de Skandasramam , maior templo dedicado ao deus Shiva

Quando tinha 5 anos de idade, ele foi enviado para a escola e aprendeu na forma tradicional. Quando ele tinha 14 anos, seu pai morreu e parou os estudos. Embora não tinha tido uma educação formal, ele dominou vários textos em sânscrito e tâmil – o Vedanta conjunto com os três primeiros textos – Gita, Upanishads e Brahma Sutras, além dos Vedas, Nyaya e Vyakarana. Ele também dominou a música e astrologia.

vista geral da cidade Tiruvannamalai

Quando ele tinha 17 anos, sua família queria casá-lo, mas os astrólogos previram, analisando o seu horóscopo , que ele se tornaria um Sanyasin e um mestre de alma realizada, e os pais desistiram então da idéia. ( Até hoje na Índia os astrólogos tem sempre a última palavra quando se trata de casamentos).

A montanha de Arunachala, Shiva encarnado

a entrada do Ashram

Como previsto, muito jovem ainda se tornou um sanyasi (asceta) e veio para Tiruvannamalai, com a idade de dezenove anos, onde permaneceu até o final da sua vida no ano de 1929.

A montanha Arunachala, vista do Ashram

A cidade de Tiruvannamalai fica cerca de 200 km de Madras, uma das cidades metropolitanas da Índia. Seshadri Ashram Swamigal fica a cerca de dois quilômetros do principal templo Sri Arunachaleswarar na estrada para Tiruvannamalai.

Entrada do Templo

Sri Seshadri Swamigal nunca saiu da cidade de Tiruvannamalai onde residiu até sua morte. Ele não tinha nenhuma casa para ir, relações familiares ou amigos, nem se importava com isso. Ele nunca seguia um hábito diário, estava sempre em movimento. Quando ele era presenteado com roupas caras ou alimentos , que ele absteve-se, pois raramente comia, entregava para caridade .

outra imagem do Templo de Shiva

Suas ações levaram as pessoas, inicialmente, em razão da sua perspectiva de mundo a considerá-lo louco. Mas, uma análise cuidadosa das suas ações , mostra que suas atitudes eram deliberadamente feitas para o serviço ao povo, para elevá-los espiritualmente.

Tiruvannamalai

Ele criou um mantra de purificação, que ele mesmo repetiu milhares de vezes, pois queria que as pessoas se livrassem de seus “ males do passado”.

Sadguru Om Sri Tiruvadike Seshadri Swamigal

(pronuncia-se) “Om sudh-guru sree say-shah-dreeh swah-mee-gull thi-roo-wuh-dee-kay”.

SAT GURU PUJA SRI SESHADRI - preparando o Puja

Thirupugazh Swamigal não era alfabetizado, mas devido a sua devoção a Senhor Muruga (mitológico deus hindu), ele aprendeu Thirupugazh (versos em louvor do Senhor) de forma rápida e quando ele cantava, tocava a alma de todos.

PAZ

Havia sempre um sorriso celestial em seu rosto.  Seus olhos sempre permaneciam semi-fechados e voltados para dentro, em eterna contemplação. Quando os abria, estavam lindos e ligeiramente tingidos de laranja , como uma lua cheia. Uma vida  de profunda devoção, dedicada ao “criador”.

Anúncios

Publicado em 12 de dezembro de 2010, em Índia e marcado como , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Mesmo lendo prazer. Obrigado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: