Haridwar – Portal dos deuses

Vista aérea de Haridwar

Hoje vou apresentar a vocês um dos mais antigos e sagrados centros de peregrinação da Índia: a cidade sagrada de Haridwar.
Está localizada no norte do estado indiano de Uttar Pradesh, no sopé dos Himalayas, a uma distância de cerca de 200 km de Nova Delhi, capital da Índia.

A noite em Haridwar

Haridwar ou “Portal dos Deuses” , de acordo com a mitologia hindu, é um dos sete locais mais sagrados da Índia e acredita-se que os deuses caminharam por aquela região e deixaram suas pegadas ali.

teleférico que leva a um belíssimo templo no alto da montanha

A cidade respira devoção e caminhar pelas suas ruas, sempre repletas de “sadhus” (homens santos)é uma experiência inesquecível.

outra vista da cidade

A torre do relógio às margens do Ganga

casamento e oferenda às margens do Ganga

 

ponte que leva a cidadeAs pessoas são muitos simpáticas e amigáveis e em todos os lugares puxam conversa, te convidam para um chai (bebida típica, espécie de chá com leite), querem tirar fotos, uma festa… Um detalhe importante, não é permitido em Haridwar , o uso de bebidas alcoólicas e alimentos não-vegetarianos .

Haveli, tipica construção da Índia

Centro de Yoga Patangeli

Templo de Gayatri Mata

A cidade é muito simples, não tem acomodações luxuosas e quem vai visitar tem que estar preparado para conviver de perto com o povo,com as centenas de sadhus que circulam pelas ruas da cidade, com simples tangas ou despidos e com  costumes completamente diversos do ocidental. Mas, é essa diversidade que faz a diferença nesse país que recebe todos os visitantes de braços abertos.

Monumento em honra a Lord Shiva

Sadhus

oferendas no templo

devotos

"Aarti" cerimonia realizada todos os dias, antes do anoitecer, às margens do Ganga

"Aarti"

Devido à sua localização geográfica privilegiada , Haridwar se destaca como a porta de entrada para os outros três centros de peregrinações importantes: Rishikesh, chamado de Mayapuri, Gangadwar e Mokshadwar.

comercio da cidade

"Havan"

Segundo as antigas escrituras e épicos, são nesses 4 locais que, alternadamente, se celebra o Kumba Mela, importante e sagrado festival realizado quando Júpiter transita no signo de Aquário. Assim, cada uma dessas cidades abriga o festival de 12 em 12 anos. A Astrologia é muito importante dentro da cultura hindu e utilizada para fins como esse, entre os futuros casais, escolha de profissões e muitos outros.

Ashram da mestra Anandamayi

Mestra Anandamayi

Quando visitei Haridwar fiquei hospedada , em um Ashrams (uma comunidade que nasce geralmente em torno de um mestre) e mestres são o que mais encontramos na Índia. Claro que nem todos fazem jus a esse titulo, mas isso não quer dizer que não existam. Os sábios costumam dizer que “Quando estamos prontos, o mestre aparece”.

Estação de Trem

Aula de Yoga ao ar livre

Sempre senti que isso era verdade e em Haridwar tive o privilegio de encontrar pessoas muito especiais. São dezenas de Ashrams que se espalham pela cidade.

Mandir

Um dos mais tradicionais é o Anandamai Maa Ashram e, como me hospedei nas vizinhanças, participei das atividades diárias, seus rituais e meditações que são um bálsamo para o corpo, mente e espírito. Anandamai é uma mestra muito reverenciada e respeitada.E notem que as mulheres mestras na Índia, são muito poucas.

Comércio na cidade de Haridwar

Hoje existem mais de 25 Ashrams, apenas no norte da Índia,dedicados aos seus ensinamentos . Depois da sua morte Sri Swami Kedarnath Maharaj, um dos seus discípulos mais próximos ,assumiu a direção dos trabalhos realizados por ela.

"KHUMBA MELA"

A cidade engalanada para o Khumba Mela

Quando falamos de Haridwar não podemos deixar de falar no festival de Kumba Mela, que é o mais importante evento da cidade. Nessa época, recebe em torno de oito a dez milhões de devotos , turistas, buscadores e sadhus.

visitantes, devotos... no Khuba Mela

Sadhus

Os mais exóticos são os “Naga Sadhus”, cuja origem remonta há muitos séculos , cobertos de cinzas, com os cabelos emaranhados e totalmente nus, são conhecidos como preservadores da fé.

Os "NAGA SADHUS"

São milhares deles que chegam para festejar o Kumba Mela e desfilam pela cidade até o rio Ganges para realizar o banho ritualístico, nas suas margens , que significa para eles lavar seus pecados para alcançar Moksha (purificação).

Naga Sadhus

É muito curioso vê-los caminhando totalmente nus, enfileirados, brincando com as pessoas, que nem sempre gostam das brincadeiras (os estrangeiros ,claro). Na realidade os estrangeiros desavisados se chocam com a figura dos Naga Sadhus. Entretanto, como tudo na Índia, temos que olhar além das aparências . No caso específico dos Naga, nus, cobertos de cinzas, tem uma aparência estranhíssima para nós ocidentais, mas existe neles a pureza e a devoção das pessoas que abrem mão de todos os bens materiais, se despojam de tudo para viver uma vida absolutamente ascética.

Os Naga são de fato uma atração a parte. Eles vivem normalmente em isolamento e tranquilos nas montanhas dos Himalayas ou florestas na Índia, mas saem de suas cavernas e dos refúgios nas montanha para vir até as margens do rio mais sagrado da Índia, para tomar parte desse festival  Os Naga Sadhus,fazem parte de uma sociedade secreta e misteriosa e são adoradores do deus Shiva. Nag significa “nu” e eles são também conhecidos como Nag Babas e ascetas.


O festival Kumba Mela, de acordo com a mitologia hindu, surgiu depois de uma briga entre deuses e demônios: milhares de anos atrás, eles procuravam nos oceanos o néctar da imortalidade; assim que o pote foi encontrado começou uma guerra.

Neste período, que durou 12 dias, o néctar foi escondido em quatro lugares da Índia: Allahabad, Haridwar, Nasik e Ujjain – transformando estas cidades em locais sagrados. Desde então, quando os planetas se alinham em determinadas posições, acontece o Ardh Kumbh Mela. A peregrinação aos santuários dos Himalayas começa quando o sol atinge o signo de Áries. Novamente a astrologia usada para definir o melhor momento para realizar as celebrações.

devotos em ritual no templo

A cidade de Haridwar é também um centro de atração para a aprendizagem das várias artes, ciência e cultura hindu, e abriga a única universidade no mundo dedicado aos estudos do sânscrito, escrituras antigas e livros sagrados, instituída pelo Governo de Uttarakhand.

A famosa Universidade onde aprende-se o Sânscrito

A cidade e o Ganga

O Ganga e a oferenda

O seu currículo abrange antigos rituais hindus, cultura e tradição e orgulha-se de sua sede , ser uma construção inspirada no estilo antigo da arquitetura Hindu.instituído pelo Governo de Uttarakhand.

Caminhar às margens do Ganga é um privilégio

inicio do anoitecer

Haridwar é considerada uma das cidades mais antigas da Índia, mencionada nas antigas escrituras hindus, uma vez que tem sua origem no tempo que se estende desde o período do Buda.

mais uma imagem da cidade sagrada de Haridwar

Haridwar é uma das primeiras cidades onde o Ganges emerge das montanhas dos Himalayas para tocar as planícies. Ali, a água do rio Ganges é mais clara e límpida e geralmente fria, exceto no período chuvoso.

as águas mágicas e límpidas que vem da nascente do Ganges

Um paraíso para os amantes da natureza, Haridwar apresenta um caleidoscópio da cultura e da civilização indiana e tem uma herança religiosa e cultural muito rica e antiga.

O sol prepara mais uma despedida sobre essa cidade sagrada. Mais um dia chegando ao fim..

Uma cidade onde as deidades e os humanos convivem em perfeita harmonia, porque ali os deuses fizeram morada e jamais vão se mudar”.

O Portal dos deuses se fecha e Haridwar dorme. Amanhã é um novo dia

Anúncios

Publicado em 8 de janeiro de 2011, em Índia e marcado como , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Muito bem feito, Waridwar é um verdadeiro “Portal dos Deuses”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: